Roteiros

Porto de Mós

Porto de Mós: porta de entrada para as Serras de Aire e Candeeiros

Serras de Aire e Candeeiros. Nomes estranhos, estes. Traz à ideia montes e vales cheios de correntes de ar e repletos de candeeiros de rua, a iluminar as suas curvas. Candeeiros até pode haver alguns, mas o que não falta por estas paragens é ar livre e oxigénio.

Foi à descoberta de Porto de Mós e destas serras, bem no centro do país, que partimos num ameno mês de setembro. Hoje, partilhamos o roteiro que fizemos, numa região que descobrimos estar recheada de recantos naturais surpreendentes. Um destino perfeito para amantes de natureza, história e tranquilidade. Siga os nossos passos e surpreenda-se também.

Montalegre

Turismo de Natureza ao longo da EN103 (Norte de Portugal)

O Norte de Portugal é rico a muitos níveis. Aqui encontramos gastronomia deliciosa, monumentos e museus dignos de visita, gentes acolhedoras e ar puro para respirar. E que melhor maneira de aproveitar este ar puro senão aproveitando o que esta região tem para nos oferecer a nível de turismo de natureza?

Neste artigo partilhamos algumas boas sugestões de locais a explorar ao longo da EN103, a Estrada Nacional que liga Bragança a Viana do Castelo. Faça a mala e venha connosco!

Templo Banyon, em Angkor, Camboja

[Roteiro] Angkor: viagem ao coração de um antigo Império

Neste artigo partilhamos um roteiro por Siem Reap e por Angkor criado pela nossa amiga Isabel Nunes, ávida viajante que aproveita todas as oportunidades para conhecer mais um pouco deste incrível mundo em que vivemos.

O destino principal desta viagem, marcada para Novembro, era na verdade a Tailândia. Mas estando tão pertinho do Camboja, não deu para resistir e reservámos também voos de Bangkok para Siem Reap, para uma escapadela de 2 dias e meio.

Queríamos conhecer o maravilhoso e milenar complexo arqueológico de Angkor, classificado como Património da Humanidade pela UNESCO. E o que encontrámos foi isso mesmo, algo de maravilhoso.

Vista para o Porto, ponte D. Luís e Serra do Pilar

Visitar o Porto: do icónico ao quase desconhecido

Adoramos viajar e conhecer o mundo. Mas o nosso país, Portugal, tem um cantinho mais que especial no nosso coração. A cidade que hoje convidamos a visitar através dos nossos olhos é a cidade onde atualmente vivemos. É uma cidade de gente bairrista e carinhosa, uma cidade cheia de encantos muito próprios. É o nosso Porto! Siga as nossas sugestões e deixe-se encantar.

Comer ao longo da EN103: roteiro gastronómico pelo Norte de Portugal

Se há algo que os portugueses sabem fazer bem, é cozinhar e comer. A nossa gastronomia, fruto do amadurecimento de práticas ancestrais, pontuada por dificuldades em obter ingredientes, e associada à criatividade e ao “desenrascanço” tão nacional, levam a que surjam pratos únicos um pouco por todo o país.

A esta riqueza junta-se a vontade de juntar família e amigos à mesa para partilhar o que de melhor se tem em cada momento. Depois da iniciativa #euficoemPortugal que nos levou até Peniche, o Turismo do Porto e Norte convidou-nos a percorrer as regiões ao longo da Estrada Nacional 103 (EN103). Aceitámos logo o desafio e partimos à aventura. Agora que recordamos os melhores momentos desta viagem, damo-nos conta que uma boa parte deles foram à mesa entre amigos.

Fortaleza de Peniche

Visitar Peniche: roteiro detalhado do que ver e fazer

Há já algum tempo que Peniche estava na lista de destinos que queríamos explorar em Portugal. A iniciativa #EuFicoEmPortugal foi a oportunidade perfeita para fazermos esta viagem.

Uma das coisas que tinha de fazer parte do roteiro de viagem era uma visita às Berlengas. Sabíamos também que a Fortaleza de Peniche e o Cabo Carvoeiro eram de visita obrigatória, mas viríamos a descobrir que há muito mais para conhecer nesta bela cidade do Oeste português.

Miranda do Corvo

Miranda do Corvo: vila que faz bem ao corpo e à alma

O nosso Portugal tem tantos sítios bons para conhecer, que às vezes o difícil é escolher. Desta vez, depois de muito pesquisar, e considerando que queríamos passar o fim-de-semana num sítio calmo, onde desse para relaxar, começámos por escolher um hotel com spa: o Hotel Parque Serra da Lousã, em Miranda do Corvo. Mal imaginávamos quão rico ia ser este fim-de-semana.

Menerbes

Pelas aldeias encantadas do Luberon

Durante o planeamento da nossa viagem à Provença, decidimos logo que queríamos conhecer algumas das aldeias que se encontram espalhadas pelo Parque Natural do Luberon. Mas quando nos apercebemos da dimensão do parque e da quantidade de aldeias maravilhosas que lá existem, ficámos com sérias dificuldades em decidir a quais ir. Olhando para o mapa e recolhendo o máximo de informação que conseguimos, traçamos então um plano.

[Roteiro] Fomos a Roma… e vimos o Papa!

O Ri ajudou a tornar um sonho meu realidade quando propôs irmos a Itália, mais precisamente para visitar Pompeia. Aproveitámos e visitámos também a costa Amalfitana e a grandiosa capital italiana, Roma. Depois de passarmos uns dias em Nápoles, que nos serviu como base para conhecer a região, rumámos a Roma, de comboio (pela Tren Italia), onde passámos praticamente três dias de alegre exploração quase arqueológica.

[Roteiro] À descoberta de Dublin

Durante a nossa última viagem às ilhas britânicas visitámos três capitais: Londres, Belfast e Dublin. Já partilhámos a nossa seleção de “must see” em Londres. Hoje é vez de falar sobre como descobrimos Dublin em 2 dias, uma cidade que era praticamente um mistério para nós. Aqui conhecemos melhor a história de alguns escritores irlandeses famosos, passámos por muitos e autênticos pubs, aprendemos um pouco mais sobre a história conturbada das ilhas britânicas e muito mais.

Roteiro para conhecer Malta

O Ri anda sempre a par das rotas que as companhias aéreas têm, deixam de ter ou vão abrir em breve. Por isso, logo depois de descobrir que ia abrir uma rota direta do Porto para Malta, decidimos partir para mais uma aventura e viajar até este país em Abril. Voámos diretos para Malta e, no regresso, para conseguir voos mais económicos, voltámos por Barcelona, ficando lá uma noite e um dia – o que ainda deu para passear muito!